Os personagens mais importantes do Renascimento

| ENTRETENIMENTO
Os personagens mais importantes do Renascimento
Fonte: listas.20minutos.es
A maioria deles eram artistas ou cientistas conhecidos de sua √©poca, que entraram na hist√≥ria por suas contribui√ß√Ķes nesses campos. Aqui est√£o alguns personagens-chave.

TOP 16:
John Dee
John Dee
(13 de julho de 1527 - final de 1608 ou in√≠cio de 1609) foi um not√°vel matem√°tico, astr√īnomo, astr√≥logo e ge√≥grafo ingl√™s, que tamb√©m foi assistente da rainha Elizabeth I. Ao longo de sua vida, ele tamb√©m se dedicou ao alquimia, adivinha√ß√£o e estudo do hermetismo.

TOP 15:

Paracelso

Paracelso
Na hist√≥ria da ci√™ncia, a alquimia (do √°rabe ōßŔĄōģŔäŔÖŔäōßō° al-khimia) √© uma pr√°tica protocient√≠fica antiga e uma disciplina filos√≥fica que combina elementos de qu√≠mica, metalurgia, f√≠sica, medicina, astrologia, semi√≥tica, misticismo , espiritismo e arte. A alquimia era praticada na Mesopot√Ęmia, no Egito Antigo, na P√©rsia, na √ćndia e na China, na Gr√©cia Antiga e no Imp√©rio Romano, no Imp√©rio Isl√Ęmico e mais tarde na Europa at√© o s√©culo XIX, em uma complexa rede de escolas e sistemas filos√≥ficos que Ele abrange pelo menos 2.500 anos. O nome mais importante desse per√≠odo √© Paracelso (1493‚Äď1541), que deu √† alquimia uma nova forma, rejeitando parte do ocultismo acumulado ao longo dos anos e promovendo o uso de observa√ß√Ķes e experimentos para aprender sobre o corpo. humano. Paracelso rejeitou as tradi√ß√Ķes gn√≥sticas, mas manteve grande parte das filosofias herm√©tica, neoplat√īnica e pitag√≥rica; no entanto, a ci√™ncia herm√©tica tinha tanta teoria aristot√©lica que sua rejei√ß√£o ao gnosticismo era praticamente insignificante. Em particular, ele rejeitou as teorias m√°gicas de Flamel e Agripa. Paracelso n√£o se considerava um m√°gico e desprezava aqueles que o viam (Williams p.239-45).


TOP 14:

Os Bórgias

Os Bórgias
C√©sar Borgia (nome original C√®sar Borja, italiano como sobrenome - em italiano, Cesare Borgia) era duque, pr√≠ncipe, conde, condottiero, gonfaloniere, bispo de Pamplona, 16 anos, arcebispo de Val√™ncia, 19 anos, capit√£o geral do ex√©rcito do Vaticano e cardeal com quase 20 anos de idade, durante o Renascimento. Tamb√©m investido como Duque na Fran√ßa, com cerca de 23 anos, este espanhol-italiano, pertencente √† fam√≠lia Borgia, nasceu em Roma em 13 de setembro de 1475 e foi morto em batalha em Viana, Navarra, em 12 de Mar√ßo de 1507, aos 31 anos de idade. Lucrecia Borgia (em valenciana Lucr√®cia Borja, em latim Lucretia Borgia, em italiano Lucrezia Borgia) (18 de abril de 1480 - 24 de junho de 1519) era filha de Rodrigo Borgia, o poderoso homem renascentista valenciano que mais tarde se tornaria o papa Alexandre VI e Vannozza Cattanei. Um de seus irm√£os era o not√≥rio d√©spota C√©sar Borgia. Mais tarde, a fam√≠lia lucretiana representou as pol√≠ticas impopulares do maquiavelismo e da corrup√ß√£o sexual comumente associadas aos papados da Renascen√ßa. Juan Borgia (nascido Giovanni de Candia Borgia em Roma em 1474 - assassinado em Roma em 14 de junho de 1497), segundo duque de Gand√≠a (cidade natal da fam√≠lia, um t√≠tulo criado na coroa de Arag√£o sob press√£o de Rodrigo Borgia, futuro Papa Alexandre VI e pai de Jo√£o) foi o irm√£o do famoso C√©sar Borgia. Juan, filho do papa Alexandre VI e Vannozza Cattanei, nasceu em Roma em 1474. Casou-se com Mar√≠a Enr√≠quez de Luna, vi√ļva de seu irm√£o mais velho. Foi nomeado 2¬ļ Duque de Gand√≠a, Duque de Sessa e Governador de Dan Peters. Ele foi assassinado na noite de 14 de junho de 1497 e seu corpo, com 30 ducados de ouro intocados na bolsa do cinto, jogado no Tibre, para a imensa desgra√ßa do papa. Esse epis√≥dio originou o cruel epigrama de Jacobo Sannazzaro sobre o papa como "pescador de homens". Seus poucos servos tamb√©m foram mortos, ent√£o n√£o houve testemunhas.

TOP 13:

Benito Arias Montano

Benito Arias Montano
.. (Fregenal de la Sierra, Badajoz 1527 - † Sevilha, 1598) foi um humanista espanhol, hebraista, biólogo e escritor poliglota.

TOP 12:

Francisco Bacon

Francisco Bacon
(n. 22 de janeiro de 1561 - m. 9 de abril de 1626), também conhecido como Barão de Verulam, visconde de Saint Alban, chanceler da Inglaterra e famoso filósofo.


TOP 11:

Giovanni Boccaccio

Giovanni Boccaccio
Italiano, embora nascido em Paris, ele vive em N√°poles desde a juventude. √Č o seu amor pela princesa desta cidade, Maria, a fonte de inspira√ß√£o para seus poemas. O bi√≥grafo de outro grande autor, Dante, sua obra-prima, o "Decameron", √© um conjunto de hist√≥rias er√≥ticas e bem-humoradas muito expl√≠citas. Ele tamb√©m escreveu a "Genealogia dos Deuses". Gra√ßas a suas contribui√ß√Ķes, ele √© um dos precursores do humanismo.

TOP 10:

Alberto D√ľrer.

Alberto D√ľrer.
(em alem√£o Albrecht D√ľrer) (Nuremberg; 21 de maio de 1471 - Nuremberg; 6 de abril de 1528) √© o artista mais famoso do Renascimento alem√£o, conhecido mundialmente por suas pinturas, desenhos, gravuras e escritos te√≥ricos sobre arte, que exerceram uma profunda influ√™ncia sobre artistas do s√©culo XVI de seu pr√≥prio pa√≠s e da Holanda.

TOP 9:

Botticelli

Botticelli
... Alessandro di Mariano di Vanni Filipepi (Floren√ßa, 1¬ļ de mar√ßo de 1445 - Idem, 17 de maio de 1510), apelidado de Sandro Botticelli, foi um pintor italiano da escola de Floren√ßa durante o Renascimento, na segunda metade de Quattrocento. Menos de cem anos depois, esse movimento, sob o patroc√≠nio de Lorenzo de M√©dicis, foi considerado por Giorgio Vasari como uma "era de ouro", um pensamento que era convenientemente dirigido por sua Vita de Botticelli. Sua reputa√ß√£o p√≥stuma diminuiu, sendo recuperada no final do s√©culo XIX; Desde ent√£o, seu trabalho √© considerado representativo da gra√ßa linear da pintura renascentista, e O nascimento de V√™nus e a primavera s√£o atualmente duas das obras-primas florentinas mais conhecidas.


TOP 8:

Johannes Gutenberg

Johannes Gutenberg
Johannes Gutenberg (por volta de 1398 - 3 de fevereiro de 1468) foi um ferreiro alem√£o que inventou a impress√£o de tipo m√≥vel na Europa (por volta de 1450). Seu melhor trabalho foi a B√≠blia de Gutenberg. Johannes Gensfleisch zur Laden zum Gutenberg (tamb√©m conhecido como John Gutenberg) nasceu em Mainz, Alemanha, entre 1398 e 1400. Seu sobrenome real √© Gensfleisch. Filho da comerciante Friele Gensfleisch zu Laden, que mais tarde adotaria o sobrenome zum Gutenberg (j√° que Gensfleisch significa "Carne de Ganso" e isso levou ao rid√≠culo em seu ambiente); e Else Wyrich, filha de uma mercearia. Conhecedor da arte de fundi√ß√£o de ouro, destacou-se como ferreiro no bispado de sua cidade. A fam√≠lia mudou-se para Alta Villa, agora no estado de Hesse, onde Else havia herdado uma propriedade. Ele deve ter estudado na Universidade de Erfurt, onde o nome de Johannes de Alta Villa est√° registrado em 1419. Nesse ano, seu pai morreu. Nada mais se sabe sobre Gutenberg at√© que em 1434 ele viveu como ourives em Estrasburgo, onde cinco anos depois esteve envolvido em um processo, o que sem d√ļvida mostra que Gutenberg havia formado uma parceria com Hanz Riffe, para desenvolver certos procedimentos secretos. Em 1438, Andr√©s Heilman e Adreas Dritzehen (seus herdeiros eram os reclamantes) entraram como associados, e no arquivo judicial s√£o mencionados os termos de: imprensa, formul√°rios e impress√£o. Em seu retorno a Mainz, ele formou uma nova parceria com o banqueiro judeu Juan Fust, que lhe concedeu um empr√©stimo e com quem, em 1449, publicou o "Missal of Constance", o primeiro livro tipogr√°fico do mundo. Em 1452, Gutenberg inicia a edi√ß√£o de 42 linhas da B√≠blia (tamb√©m conhecida como B√≠blia de Gutenberg). Em 1455, Gutenberg n√£o tinha solv√™ncia financeira para pagar o empr√©stimo que Fust havia lhe dado, ent√£o o sindicato foi dissolvido e Gutenberg se viu em necessidade (ele at√© teve que espalhar o segredo de montar impressoras para sobreviver). Por sua parte, o banqueiro foi associado a Peter Sch√∂ffer e publicado em Mainz, 1456, na B√≠blia de Gutenberg. No ano seguinte, eles publicaram The Psalter ou Psalmorum Codex. Em 3 de fevereiro de 1468, Johannes Gutenberg falido morre. Apesar da escurid√£o de seus √ļltimos anos de vida, ele sempre ser√° reconhecido como o inventor da moderna impressora.

TOP 7:

Dante

Dante
Dante Alighieri (Floren√ßa, entre 21 de maio e 21 de junho de 1265 - Ravenna, 14 de setembro de 1321) foi um poeta italiano. Sua obra-prima, A Divina Com√©dia, tornou-se a base do pensamento moderno e culminou na afirma√ß√£o da maneira medieval de entender o mundo. √Č considerada a maior obra liter√°ria composta em italiano e uma obra-prima da literatura mundial. Em italiano, ele √© conhecido como "o Poeta Supremo" (il Sommo Poeta). Dante tamb√©m √© chamado de italiano "Pai da L√≠ngua". Sua primeira biografia foi escrita por Giovanni Boccaccio (1313-1375), que escreveu a Trattatello in laude di Dante. Ele participou ativamente das lutas pol√≠ticas de seu tempo, pelas quais foi banido de sua cidade natal. Ele era um defensor ativo da unidade italiana. Ele escreveu v√°rios tratados latinos sobre literatura, pol√≠tica e filosofia. Para ele, est√° o tratado De Monarchia, de 1310, em latim, que constitui uma exposi√ß√£o detalhada de suas id√©ias pol√≠ticas, entre as quais a necessidade da exist√™ncia de um Sacro Imp√©rio Romano e a separa√ß√£o entre Igreja e Estado. Ele lutou contra os gibelinos de Arezzo. A data exata do nascimento de Dante √© desconhecida, embora geralmente se acredite que seja por volta de 1265. Isso pode ser deduzido das alus√Ķes autobiogr√°ficas refletidas em La Vita Nuova.

TOP 6:

Nicolas Flamel

Nicolas Flamel
Nicolas ou Nicholas Flamel (Pontoise, ca. 1330 - Paris, ca. 1413) foi um escriba franc√™s; Embora, sem d√ļvida, seja uma figura hist√≥rica, sua vida real √© extraordinariamente exagerada em lendas, que s√£o consideradas um alquimista com capacidade suficiente para executar as duas obras mais complexas da arte alqu√≠mica: a transmuta√ß√£o de metais em ouro, gra√ßas √† elabora√ß√£o de pedra. fil√≥sofo e imortalidade.


TOP 5:

Nostradamus

Nostradamus
Nostradamus (14 de dezembro de 1503 - 2 de julho de 1566), - cujo nome verdadeiro √© Michel de N√ītre-Dame ou Miqu√®l de Nostradama em occitano - era m√©dico e consultor astrol√≥gico de origem judaica, considerado um dos mais renomados autores de profecias e eventos futuros. Sua obra prof√©tica Os Verdadeiros S√©culos e Profecias Astrol√≥gicas, foi publicada pela primeira vez no ano de 1555. Desde a publica√ß√£o do livro, muitas pessoas foram atra√≠das para seus versos misteriosos (geralmente escritos em p√°ginas). Muitos de seus seguidores afirmam categoricamente que Nostradamus previu todas as cat√°strofes do mundo, desde o tempo at√© o ano 3797, quando ele sup√īs que o fim do mundo aconteceria. Ele tamb√©m colaborou com a aristocracia francesa, desenhando hor√≥scopos para a rainha Catarina de M√©dici, prevendo a surpreendente morte do rei Henrique II e finalmente sendo designado como m√©dico para a corte real por Carlos IX.

TOP 4:

Miguel de Cervantes Saavedra

Miguel de Cervantes Saavedra
Miguel de Cervantes Saavedra foi um romancista, poeta e dramaturgo espanhol. Suponha que ele nasceu em 29 de setembro de 1547 em Alcal√° de Henares e morreu em 22 de abril de 1616 em Madri, mas ele foi enterrado em 23 de abril e essa data √© popularmente conhecida como sua morte. Ele √© considerado a maior figura da literatura espanhola. Ele √© universalmente conhecido, especialmente por ter escrito O engenhoso Don Quixote de la Mancha, que muitos cr√≠ticos descreveram como o primeiro romance moderno e uma das melhores obras da literatura mundial. Ele recebeu o apelido de Prince of Wits. Cervantes √© extremamente original. Parodiando um g√™nero que estava come√ßando a surgir, como o dos livros de cavalaria, ele criou outro g√™nero extremamente animado, o romance polif√īnico, onde vis√Ķes de mundo e pontos de vista se sobrep√Ķem at√© que se confundam em complexidade com a pr√≥pria realidade, at√© mesmo recorrendo a jogos metaficcionais. . Na √©poca, o √©pico tamb√©m podia ser escrito em prosa e, com o precedente no teatro de pouco respeito pelos modelos cl√°ssicos de Lope de Vega, era breve para ele forjar a f√≥rmula do realismo na narrativa, como havia sido pr√©-anunciada. na Espanha, por toda uma tradi√ß√£o liter√°ria do Cantar del M√≠o Cid, oferecendo-a √† Europa, onde Cervantes tinha mais disc√≠pulos do que na Espanha. Todo o romance realista do s√©culo XIX √© marcado por este magist√©rio. Por outro lado, outra grande obra-prima de Cervantes, as Novelas Exemplares, demonstra a mente aberta de seu esp√≠rito e seu desejo de experimentar estruturas narrativas. Nesta cole√ß√£o de romances, o autor experimenta o romance bizantino (o espanhol ingl√™s), o romance policial ou criminal (a for√ßa do sangue, o extremamente ciumento), o di√°logo luciano (o col√≥quio dos c√£es), a miscel√Ęnea de frases e donaires (El gradido Vidriera), o romance picaresco (Rinconete e Cortadillo), a narra√ß√£o constitu√≠da em um anagnorisis (La gitanilla), etc.

TOP 3:

Galileu Galiléia

Galileu Galiléia
(Pisa, 15 de fevereiro de 1564 - Floren√ßa, 8 de janeiro de 1642), ele era um astr√īnomo, fil√≥sofo, matem√°tico e f√≠sico que estava intimamente relacionado √† revolu√ß√£o cient√≠fica. Eminente homem renascentista, demonstrou interesse em quase todas as ci√™ncias e artes (m√ļsica, literatura, pintura). Suas realiza√ß√Ķes incluem a melhoria do telesc√≥pio, uma ampla variedade de observa√ß√Ķes astron√īmicas, a primeira lei do movimento e apoio decisivo ao copernicanismo. Ele foi considerado o "pai da astronomia moderna", o "pai da f√≠sica moderna" e o "pai da ci√™ncia". Seu trabalho experimental √© considerado complementar aos escritos de Francis Bacon ao estabelecer o m√©todo cient√≠fico moderno, e sua carreira cient√≠fica √© complementar √† de Johannes Kepler. Seu trabalho √© considerado uma ruptura com as id√©ias aristot√©licas estabelecidas e seu confronto com a Igreja Cat√≥lica Romana √© frequentemente considerado o melhor exemplo de conflito entre autoridade e liberdade de pensamento na sociedade ocidental.

TOP 2:

Shakespeare

Shakespeare
William Shakespeare (Stratford-upon-Avon, c. 26 de abril de 1564 jul. - Stratford-upon-Avon, 23 de abril (jul.) / 3 de maio de 1616 (greg.)) Foi um dramaturgo, poeta e ator inglês . Às vezes conhecido como Barão de Avon (ou simplesmente The Bardo), Shakespeare é considerado o escritor mais importante da língua inglesa e um dos mais famosos da literatura mundial.


TOP 1:

Leonardo Da Vinci

Leonardo Da Vinci
Leonardo di Ser Piero da Vinci (Anchiano, It√°lia, 15 de abril de 1452 - Castelo de Clos-Luc√©, Fran√ßa, 2 de maio de 1519) foi arquiteto, escultor, pintor, inventor, m√ļsico, engenheiro e renascentista. excel√™ncia. Humanista da linha de frente, ele √© amplamente considerado como um dos maiores pintores de todos os tempos e talvez a pessoa mais talentosa da hist√≥ria.